Briguem satanazes!

image_editor_output_image2035544359-16346576090409220833688491455553 Briguem satanazes!
Nesta segunda-feira (18), o presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), demonstrou contrariedade com a divulgação antecipada, sem conhecimento prévio dos demais integrantes da comissão, de trechos do parecer final do relator Renan Calheiros (MDB-AL).

No texto, Renan Calheiros atribui 11 crimes ao presidente Jair Bolsonaro e propõe o indiciamento de 63 pessoas, entre as quais ministros, ex-ministros, filhos do presidente, deputados, médicos e empresários.

A leitura do relatório para os integrantes da comissão está prevista para esta quarta-feira, 20. No dia 26, será votado pela CPI.

Para Aziz, os indiciamentos de Calheiros já divulgados agora devem ser mantidos, sob pena de os demais integrantes da CPI virem a ser acusados de tentar proteger alguém com eventuais mudanças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima