Moro desistindo em 3..2..1

image-1-6 Moro desistindo em 3..2..1
A divulgação dos áudios sexistas do deputado estadual e agora ex-candidato ao governo de São Paulo pelo Podemos, Arthur do Val, o “Mamãe Falei”, ampliaram a fragmentação em torno do apoio à candidatura do ex-juiz Sergio Moro (Podemos), que foi declarado parcial e suspeito pelo Supremo Tribunal Federal (STF) nos processos contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na Lava Jato.
.
Segundo o jornal Folha de S. Paulo, o escândalo poderá levar o Podemos a apoiar a candidatura de Rodrigo Garcia (PSDB) ao governo de São Paulo e pode resultar na desistência de Moro em seguir na disputa presidencial. Este é o cenário que circula nos bastidores da política.
Além do escândalo envolvendo Arthur do Val, o Movimento Brasil Livre (MBL) – do qual o parlamentar faz parte – recentemente se viu dentro de outra polêmica envolvendo o deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP), uma das principais lideranças do movimento, que afirmou que Alemanha errou ao criminalizar o nazismo no país.
.

Em nota, logo após os áudios sexistas serem divulgados, Moro disse, em nota, que repudiava as declarações do parlamentar e buscou se afastar do então aliado. O MBL é uma das principais bases do palanque de Moro em São Paulo, maior colégio eleitoral do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima