Arthur Mamãe Falei e Renan Santos entra no radar do MPF por evasão de divisas!

  • Categoria do post:GUERRA
  • Comentários do post:0 Comentário
MPF analisa pedido de investigação contra Arthur do Val e Renan dos Santos, do MBL, por suspeita de evasão de divisas
Os dois são suspeitos de transferir de forma irregular cerca de R$ 275 mil de recursos doados para a missão do MBL à Ucrânia para a Eslovênia sem cumprir as normas determinadas pelo Banco Central.O Ministério Público Federal (MPF) em São Paulo afirmou nesta segunda-feira (14) que está analisando um pedido de investigação que chegou ao órgão contra o deputado estadual Arthur do Val (sem partido) e o coordenador do Movimento Brasil Livre (MBL), Renan dos Santos.
.

Os dois são suspeitos do crime de evasão de divisas do dinheiro doado por brasileiros à missão humanitária de três dias do grupo na Ucrânia.
De acordo com o MPF, o caso será distribuído a um procurador da República, que fará a análise preliminar dos fatos relatados para, então, determinar os passos seguintes. Não há um prazo definido para que essas etapas sejam concluídas.
MPF apura denúncia contra Arthur do Val e coordenador do MBL

A suspeita de evasão de divisas foi levantada nas redes sociais por especialistas, acadêmicos e políticos. Eles apontaram que o dinheiro da doação não podia ter sido repassado via pix para a Eslováquia, como disse os representantes do MBL em vídeos, sem o devido registro pelas autoridades brasileiras da saída dos recursos para outro país.
.

Em live transmitida da Eslováquia em 1º de março, Arthur do Val e Renan dos Santos, integrantes do MBL que estavam no grupo, pediram doações para seus seguidores no Brasil. No vídeo, Renan Santos afirma que o dinheiro recebido pelo MBL via Pix seria transferido para a conta de um brasileiro chamado Bruno que mora na Eslováquia. Esse Bruno, segundo ele, faria as compras de suprimentos no local para posterior entrega aos ucranianos.
“O Pix para mandar ajuda é suporte@mbl.org.br”, diz Renan no vídeo.
.
“O dinheiro que vocês mandarem pelo Pix, esse dinheiro a gente vai retirar com o Bruno, que ele é brasileiro e ele mora na Eslováquia. Entendeu? Ele vai receber na conta dele e esse dinheiro a gente vai mandar para ele lá [no Brasil] e aí a gente faz a troca com ele aqui na Eslovaquia”, afirmou Renan.
Arthur do Val: o que o deputado disse sobre ucranianas e o que aconteceu depois; entenda
Arthur do Val: o que o deputado disse sobre ucranianas e o que aconteceu depois; entenda
De acordo com o professor de economia da FAAP, Johnny Silva Mendes, a forma correta de transferir os recursos para o exterior é contatar uma instituição financeira que esteja autorizada pelo Banco Central a fazer esse tipo de transferência internacional.
“Nós temos aí grandes bancos, temos outras fintechs que estão aptas a fazer, estão autorizadas.
.
Caso esses procedimentos não tenham sido feitos, então aí pode ser classificado como uma evasão de divisa. Esse controle ele é devido, ele é justo, exatamente pra que o Banco Central se mantenha no controle da política cambial adequada. Então, esses valores precisam ser declarados, eles precisam ser sabidos, então essa quantidade de valores entrando, essa quantidade de valores saindo, né, faz parte do controle de política cambial, de política monetária que o Banco Central faz”, disse Silva Mendes.

Deixe um comentário