Mulher tem braços e pernas amputados após comer TILÁPIA

Americana de 40 anos está em coma após comer peixe mal cozido e ter infecção bacteriana. Amputação foi feita para evitar avanço do patógeno
A americana Laura Barajas, de 40 anos, sofreu uma grave infecção após comer uma tilápia mal cozida em casa no início de agosto deste ano. O quadro causado pela bactéria Vibrio vulnificusfoi tão grave que os médicos precisaram colocá-la em coma induzido – Laura precisou ter os quatro membros amputados de uma só vez na última quarta (13/9) para evitar o avanço da infecção.
A V. vulnificus é uma bactéria encontrada em espécies marinhas, mas pode infectar peixes de rio em casos raros. O patógeno normalmente é eliminado em qualquer processo de cozimento ou mesmo durante o congelamento, mas, quando é ingerido por humanos, pode levar a graves complicações.
“Ela pode causar febre, diarreia, cólicas abdominais, náuseas e vômitos. Em casos graves, pode levar à infecção generalizada e, em 60% dos casos, a lesões nas extremidades do corpo”, diz o Manual das Doenças Transmitidas por Alimentos, da Secretaria de Saúde de São Paulo.
Como Laura teve os membros amputados?
No caso de Laura, a bactéria se instalou no organismo e não respondia ao tratamento padrão. “Os médicos a colocaram em coma induzido. Seus dedos estavam pretos, assim como os pés e o lábio inferior. Ela estava com sepse completa e seus rins estavam falhando”, descreveu Anna Messina, amiga da família, em entrevista ao site KRON.
A equipe médica decidiu que o melhor caminho para salvá-la era amputar os braços e as pernas para impedir que os tecidos mortos acumulados nessas regiões agravassem a infecção.
O tratamento já consumiu todas as economias da família. De acordo com a campanha do GoFound Me, que tem buscado reunir dinheiro para ajudar a americana, Laura comprou o peixe contaminado em um mercado local em San Jose, na Califórnia.

Deixe um comentário